Nas dietas atuais, é comum vermos pessoas que eliminam a carne vermelha de seu cardápio, com o argumento de que faz mal à saúde e engorda. Será que é verdade?

De fato, em grandes quantidades pode ser prejudicial à saúde devido ao alto teor de gorduras saturadas. Em quantidades adequadas e fazendo a escolha do corte certo, a carne vermelha pode ser uma aliada muito importante como fonte de nutrientes e para quem tem o objetivo de ganhar massa muscular.

Em relação a carne branca que tem uma quantidade de proteínas compatível à vermelha, ela não contém ferro que só a carne vermelha pode prover. Além do ferro, encontramos vitaminas do complexo B (principal fonte de vitamina B12, que é responsável pela manutenção do sistema nervoso central), zinco, magnésio, sódio, potássio e outros nutrientes. Para quem precisa de uma suplementação de vitaminas, como anêmicos, bariátricos, entre outros, a carne vermelha é a melhor fonte de nutrientes de origem animal.

Já para a galera fitness de plantão, a carne vermelha é uma ótima fonte de proteína de alto valor biológico, que fornece todos os aminoácidos necessários ao metabolismo. Os aminoácidos além de gerarem energia, são responsáveis pela formação da estrutura muscular.

Prefira os cortes mais magros, como filé mignon, lagarto, patinho, alcatra, maminha e coxão duro. Além de preparações mais saudáveis, como grelhados, assados e cozidos.

É possível viver sem carne vermelha, para isso, é necessário substituí-la por fontes que possam prover os mesmos nutrientes e se for necessário utilizar suplementos alimentares / esportivos. Nunca tome esta decisão por conta, apenas um profissional no assunto, como nutricionista, poderá lhe indicar a melhor forma de excluir a carne vermelha do cardápio. Para a inclusão de forma benéfica, a mesma coisa.

Deixo para vocês, uma receita fit com carne vermelha:

Escondidinho Maromba

500g de carne moída magra (uso patinho)
500g de mandioquinha
100ml de leite desnatado
1 colher de sopa de azeite
Temperos a gosto

Modo de preparo:
1. Refogar a carne moída com temperos de sua preferência. Tenho usado o Mr. Dash, tempero sem sódio e com vários sabores.
2. Cozinhar a mandioquinha na pressão por 10 minutos. Após o tempo, escorrer a água e em uma panela, juntar a mandioquinha amassada, com leite e azeite. Deixar na consistência de purê.
3. Em um refratário, espalhar a carne moída em toda superfície e por cima, colocar o purê. Na minha receita, coloquei queijo prato light por cima.
4. Leve em forno ou microondas para aquecer e após estará pronto para servir.

FB_IMG_1440416347592

Feito por mim!

O escondidinho é fonte de proteína e energia através do carboidrato complexo, pode ser utilizado como refeição principal ou pré treino.

Espero que gostem! :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *