Eu sou totalmente a favor do parto humanizado. Alem das estatísticas favoráveis ao parto natural, acho fundamental lidar com esse momento da forma mais humana possível. No entanto, sou contra o radicalismo, a cesárea em alguns casos é a única opção.

Na minha opinião, a decisão inicialmente é exclusivamente da mãe. É ela que precisa decidir a forma que ela vai se sentir mais segura e confortável.

É tão engraçado ver as pessoas tentando influenciar na decisão da mãe. É louco ver como as pessoas querem influenciar, decidir no parto dos outros. tenho dois exemplos que não posso deixar de comentar:

A Cesárea da Sandy: Assim que Sandy anunciou que seu filho tinha nascido por uma cesárea, muitas (mas muitas) mulheres defensoras do parto normal encherem de comentários maldosos. Do tipo: “ah, quis uma cesárea pra não borrar a maquiagem essa filha da puta nojenta, né?”

O parto em casa da minha amiga: Assim que minha amiga anunciou que teria o parto em casa, a família ficou doida com a decisão. Comentários do tipo: “Você é louca?” ou até “Você até pode colocar sua vida em risco, mas do seu filho, não pode”.

parto-natural-cesarea-01

Gente, como assim, né? É tão surreal tudo isso. 

Acho que toda luta é válida. Vivemos na era da hospitalização do parto, somos reféns dos médicos, das cesáreas desnecessárias e perigosas. Mas a faltar com respeito pelo outro, é o oposto a tudo isso.

No caso do parto humanizado em casa, foi muito louco ver que as mesmas pessoas que disseram isso pra ela, foram as pessoas que há 4 anos atrás disseram que a Gisele Bündchen era realmente muito humana por proporcionar o parto em casa de maneira tão amável ao filho. É muita contradição.

E você, o que pensa sobre isso?

Compartilhe:

Sabe aquele dia que você tem crises existenciais e questiona tudo?
A vida, o trabalho, os problemas, até as soluções…

Nesses dias me pergunto se devo questionar mesmo ou ignorar os pensamentos e, ir comer um doce pra ver se passa (afinal, é tão estranho ficar “depressiva”, né?). Hoje, cheguei a conclusão que ignorar tudo não resolve, você pode até sofrer menos momentaneamente, mas a longo prazo …

Então, vamos questionar. O que faz sentido pra você (de verdade)!?

depressão-diaruim-01

O trabalho que você exerce melhora a sua vida e a dos outros? Seus sonhos podem acrescentar algo na vida de alguém? Você vai ficar feliz com isso? 

Vejo todo dia, tantas pessoas reclamarem da vida, o trabalho que está ruim, o chefe que é um mala, a família que só tem louco….

Algumas parecem que reclamam, simplesmente para parecer “normal”, outras parecem que a vida realmente é muito penosa. Agora eu pergunto: Será que vale a pena? É tão difícil mudar? Tudo é tão simples e complicado.

Acho que precisamos fazer duas coisas na vida:

1) Fazer algo que tenha algum significado pra você. É tão pequeno passar a vida pensando só em dieta, tratamentos estéticos, a próxima balada, não é? Faça o que você realmente gosta! Se for necessário, jogue tudo para o ar e siga em frente…

2) O que você vai fazer para ensinar os outros? Não parece muito egoísmo só pensar em nós? Todas as pessoas com as quais eu convivo, me ensinam alguma coisa (das mais singelas as mais sofisticadas). O que você vai fazer para deixar sua marca? Pense nisso…

Bom, depois de avaliar tudo isso, você pode simplesmente chegar a conclusão que tá tudo bem…é apenas um dia que você quer pensar na vida ou que você não está bobamente feliz. Isso também é muito bom!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Compartilhe: