Todos os anos, sempre ouvimos falar sobre o Outubro Rosa e o Novembro Azul, meses dedicados ao combate e prevenção do câncer de mama e de próstata respectivamente. E o Setembro Vermelho? Não é tão divulgado, mas tão importante quanto.

No próximo dia 29, celebraremos o Dia Mundial do Coração. Em função desta data, o mês foi apelidado como Setembro Vermelho, com objetivo de alertar, diagnosticar, prevenir e orientar sobre Doenças Cardiovasculares.

A cada 1 minuto morre uma pessoa no mundo em decorrência a problemas cardiovasculares. No Brasil, 33% dos óbitos são ligados ao coração.

É comum, consultamos um cardiologista ou realizarmos exames cardiológicos somente quando temos uma queixa ou estamos doentes. Este mês vem de encontro a este fato, com muitas ações focadas na adoçao de hábitos saudáveis e de visitas aos cardiologistas como parte de sua rotina.

E o que podemos fazer para cuidar do nosso coração? Fiquem atentos aos pontos abaixo, sabemos que muitos fatores como obesidade, colesterol alto, hipertensão e estresse contribuem para problemas do coração:

1. Considere seu histórico familiar;

2. Mantenha um peso saudável;

3. Evite o consumo do tabaco;

4. Pratique exercícios físicos regularmente;

5. Consuma o sal com moderação;

6. Evite alimentos gordurosos;

7. Procure controlar o estresse.

Alguns exames que apoiam o diagnóstico de doenças cardíacas são: eletrocardiograma, ecocardiograma, teste ergométrico, holter, etc.

O Instituto Lado a Lado pela Vida é uma instituição brasileira sem fins lucrativos, que desenvolve conceitos e projetos, além de apoiar e implantar ações voltadas ao campo da humanização em saúde e da atenção integral ao cidadão em diferentes fases da vida. Em 2014, a instituiçao criou a campanha Setembro Vermelho – Siga seu Coração que promove diversas ações em várias cidades do Brasil.

Clique aqui para conhecer mais detalhes sobre a campanha e dos eventos programados.

Vamos escutar o nosso coração! ❤

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *