Olá meninas! Como vocês estão?

Essa semana tive uma ideia super legal para aproveitar as roupas e evitar comprar peças de inverno que eu não preciso. É difícil resistir as tentações das vitrines, a troca de coleção das lojas, aquelas peças de inverno lindas e confortáveis. Ah, o inverno, não tem como não amar rs, mentira, eu adoro o verão, mas o inverno também é uma das estações em que podemos nos vestir e ficar bem estilosas e confortáveis, não é verdade?

Pensando nisso eu mesmo peguei um dia da semana passada para dar uma arrumada no meu guarda-roupa e ver o que valia a pena guardar e o que ainda dava pra aproveitar no Outono/Inverno. E tem muita coisa que a gente descarta logo de cara porque acha que não dá para usar no frio, mas nada que um truquezinho de estilo aqui e outro ali não resolvam.

Nas liquidações de verão ainda tem muita coisa que podemos aproveitar, pagar barato e usar nas próximas estações, vocês querem ver alguns exemplos  de looks e pecinhas que vale a pena guardar ou investir se for nas ”sale” por aí? Vem dar uma olhadinha no que eu separei pra inspirar vocês:

CAMISETAS BÁSICAS: se essa não for a peça mais versáteis do mundo ela está entre uma delas rs, as t-shirts caem bem em qualquer corpo, você pode comprar uma largona ou mais apertadinha, pegar no namorado ou do pai e usar e abusar nos look

painel1

SHORTS E SAIAS: além de serem peças super femininas, deixarem as pernocas de fora elas são super confortáveis e deixam as pernas livres, eu particularmente adoro. Em dias mais frios podem ser combinadas com longos casados, trench coats e meia-calça, que com certeza sempre temos uma guardadinha no armário

painel2

VESTIDOS: seja longo, midi ou curto sempre da improvisar um look bacana com a ajuda de algumas peças pra sobreposição, como por exemplo, as botas over knee, que são aquelas que vem acima do joelho e que vão vir com tudo no outono/inverno. Casaquinhos, meia-calça, camisas e outras peças que aquecem também ajudam e muito a esquentar nos dias mais frios

painel3

E aí meninas, o que acharam do post de moda dessa semana? Espero que tenham gostado e que essas dicas sejam úteis no dia a dia de todas vocês. Beijinhos e até a próxima ;*

Compartilhe:

Olá meninas!

Como prometi semana passada trouxe a segunda parte resumida para vocês sobre o SPFW vem ver:

VITORINO CAMPOS: jeans, rústico, contemporâneo

VITORINO

APARTAMENTO 03: reflexão sobre o masculino e o feminino, bordado, alfaiataria

APÁR

FERNANDA YAMAMOTO: trabalhos manuais ricos, texturas, degradê, atemporal

FE

LOLITTA: tricot, metalizado,romântico , inspiração na era medieval

LO

LINO VILLAVENTURA: detalhada, modelagens inusitadas, inspiração no streetwear

LI

GIULIANA ROMANNO: minimalismo, alfaiataria, bordado,recortes

GI

PATRICIA VIERA: trabalho manual, couro, franjas

PATI

OSKLEN: peças justas, estampas de folhagens, vestidos

OSKLEN

JULIANA JABOUR: bordado, grafismo, cores primárias

ju

LILLY SARTI: inspiração na cultura apache, couro

LS

RONALDO FRAGA: floridos, cores vivas, bordados

RO

ANIMALE: formas assimétricas e geométricas, anos 60, transparências

ANI

RATIER: formas geométricas, lã, couro

RA

WAGNER KALLIENO: metalizado, estampa animal, inspiração musical

WA

 

 

 

Compartilhe:

Faz exatamente 1 ano que eu e a Milena fizemos essa viagem! Mas é sempre bom relembrar (e compartilhar, claro) 😉

Apesar de ser um destino super romântico, é super bacana fazer em família ou amigos. E lá fomos, nós 4 (Eu, Milena e os respectivos).

Para os casais, as pedidas são os programas românticos como jantar a luz de velas, passeio de pedalinho no Lago Negro ou um tour pelos bosques e cascatas da vizinha Canela. Já quem está com as crianças, os parques temáticos – destaque para a Aldeia do Papai Noel e o Mini Mundo -fazem sucesso com a garotada.

E claro, para todas as idades, os passeios pelas fábricas e lojas de chocolate, são imperdíveis!

PRIMEIRO DIA

Pegamos o carro de Porto Alegre com direção a Gramado, pela Rota Romântica. Uma estrada mais bucólica, super bonitinha e com lindas paisagens, vale a pena 😉

rota-gramado-01

Em Gramado, ficamos hospedados em um apartamento (pelo Airbnb), super bacana. Acomodava tranquilamente 4 pessoas, bem localizado. Pagamos R$ 250/diária.

Passeamos pelo centrinho de Gramado, que era bem perto do apartamento. Almoçamos na Galeria Coberta, uma charmosa galeria coberta de vidro e trepadeiras reúne bares, cafés, bistrôs e lojas de roupas. O burburinho rola o dia todo por conta dos chocolates quentes e aumenta à noite, quando a turma chega em busca de caldos e vinhos. Comemos uma massa com carne bem gostosa (R$ 120/casal com vinho).

rua-coberta-01

Ali perto, estão vários pontos para conhecer também, como a Matriz de São Pedro. Uma das construções mais bonitas da cidade, a igreja tem uma fachada de pedra. No interior, o estilo romano divide a atenção com os vitrais artísticos projetados pelo pintor alemão Max Dommeyer.

A tarde, conhecemos o lago negro e andamos de pedalinho 😉 Lugar super bonito, ótimo para perder um tempo com caminhadas. Para fechar, tomamos um chocolate quente no café do lago, delicioso! (R$15).

pedalinhos-01

Jantamos no centro, um clássico rodizio de fondue.

SEGUNDO DIA

Acordamos cedo e fomos ao Templo Budista Chagdud Gonpa Khadro Ling.

Um dos passeios mais bonitos da viagem, vale super a pena! É o maior templo budista da América Latina chama a atenção não somente pela construção em estilo tibetano e as ornamentações vindas do Nepal, mas também pela bela vista panorâmica. Ficamos a manhã inteira e almoçamos no restaurante tibetano próximo ao templo (um pouco mais caro, mas bem exótico!)

templo-01

Depois do almoço, fomos fechar o dia no LE JARDIN PARQUE DE LAVANDA. O primeiro parque de lavanda do país reúne 10 mil pés da planta em um lindo jardim que contorna toda a propriedade. Na lojinha, onde a cor lilás predomina, uma linha exclusiva de cosméticos traz óleos, aromatizadores, sais de banho, sachês, sabonetes, shampoos… e até travesseiros! Todos levam a essência da planta, indicada para tratamentos de insônia e dor de cabeça. A loja também vende mudas de lavanda, produzidas lá mesmo. O parque tem entrada gratuita e só não funciona às segundas-feiras.

TERCEIRO DIA

Dedicamos o dia a Canela, uma cidade que fica a sete quilômetros de distância de Gramado. Não é badalada como Gramado, mas a natureza intocada é linda. São dezenas de parques com enormes araucárias que oferecem atividades para todos os estilos de visitantes. Algumas atrações como a cascata do Caracol, tem uma linda cachoeira e trilhas com estrutura. Já o centrinho é bem pequeno, mas vale a visita.

canela-01

Para quem viaja com as crianças, o programa inclui ainda uma visita ao Mundo a Vapor, com miniaturas que reproduzem os processos industriais; e ao Alpen Park, com tirolesa e pista de trenó em meio às montanhas, com direito a curvas acentuadas e muita adrenalina. Na volta, paramos no Castelinho.

QUARTO DIA

A chuva mudou os nossos planos. A ideia era ir para Aparados da Serra, conhecer os cânios e lindos parques, mas a chuva dificultou. Resolvemos apenas passar o dia lá e voltar. Mas contaremos em um próximo post 😉

aparados-01

QUINTO DIA

Dia de ir embora =( A chuva permaneceu.

Fizemos um passeio pela região de agroturismo de Gramado. As agências fazem passeios pela região, mas como estávamos de carro, fizemos por conta própria.

São três opções de tours circulando por propriedades rurais, mirantes e cascatas. O roteiro mais concorrido é O Quatrilho, que desvenda uma típica propriedade de família alemã. O destaque é o café colonial servido aos visitantes, à base de cucas, geléias, pães e salsichas. Já o programa Raízes Coloniais leva às primeiras casas construídas pelos colonos. Abertas à visitação, oferecem degustação de vinhos, pães, queijos e salames caseiros. Para um maior contato com a natureza, a dica é o Mergulho no Vale, que conduz ao interior do vale do Quilombo, repleto de cascatas e mirantes naturais.

agro-01

PARA CONCLUIR

– Para os cinco dias de viagem, gastamos R$ 2 mil reais/ casal com hospedagem, locomoção e alimentação.

– Vale muito a pena fazer compras de chocolates e casacos de couro.

– Café Colonial é uma refeição tipica da região. Nós comemos em um lugar que eu não recomendaria, então, nem citei acima. Mas no caminho para Canela tem ótimas opções.

– Fondue é o prato que quase todos os restaurantes servem a noite.

Compartilhe:

Olar, pessoas! Como estamos? Muito frio por aí?

E aí que a temperatura caiu e ficou mais baixa mesmo, estava esperando isso acontecer pra poder falar de looks e peças chave da estação… Mentira, eu tinha total deixado passar mesmo, falha nossa!

De qualquer forma, bora falar de looks para o frio? SIMMMMMMMM!!!

Toda vez que estamos em épocas de calor, fico desejando o tempo frio, sempre acho que as pessoas ficam mais elegantes, bem vestidas, as roupas disfarçam aquelas gordurinhas sobressalentes que ficaram pro projeto verão do ano que vem, a make dura mais, enfim… Te amo frio :*

Bom, aí o frio finalmente chega e a gente fica como?! Pra variar com dificuldade de montar looks legais, né?! Parece fácil, mas não é, tem que combinar mais peças que além de bonitas precisam te aquecer. Ah Carol, mas aí complica! Aham, complica.

Como aqui o intuito é descomplicar, selecionei looks incríveis para inspirar na hora de sair de casa encapuzada =) check it out:

collage Casual Blog collage noite Blog collage Office Blog

E aí, tá inspirada? O que, não tem nenhuma destas peças em casa pra compor o visu? E agora, o que fazer? Calma, não faça a loca e saia correndo pra primeira loja comprar o que tá faltando. Sabe aquele vestidinho floral que você usou horrores na Primavera/Verão? E aquela saia basiquete que quase que vira parte do corpo? Então, pega essas e outras peças que você usou na estação passada e olha só como montar looks de frio com peças que são mais comumente usadas no calor, vê aí:

collage saia longa blog

Saia longa/Midi

collage Calça estampada blog

Calça estampada

collage Floral Blog

Vestido estampado

E agora, melhorou? Viu como dá pra aproveitar o que já temos no guarda-roupa em qualquer estação? E estes são só alguns exemplos, além do mais fica a dica: a moda é cíclica, ou seja, tudo o que vai, volta. Taí a pochete pra confirmar (Arghhhh, infelizmente!)

Então, se você comprou uma peça linda, que você adora, mas que já tá meio démodé, GUARDA! Vai por mim, uma hora essa peça vai ser de novo a queridinha do mundo da moda e você além de estar super IN vai manter uma graninha no bolso e vai agir de forma sustentável, veja, eu disse que você vai manter dinheiro no bolso, só este motivo já devia te motivar!

Como tem gente que só acredita vendo, tipo euzinha aqui, separei alguns exemplos de peças que fizeram sucesso anos atrás e que voltaram com tudo nesta temporada:

collage Touca blog collage POncho blog collage Parka Blog collage pele Blog

Claro que estas peças não voltaram especialmente neste temporada, mas estão cada vez mais inseridas no dia-a-dia de IT girls mundo a fora!

E aí, pronta para encarar o frio, né?! Lembre-se sempre, aqui a gente te dá algumas dicas pra você se inspirar, mas o mais legal do look é a personalidade de cada um que ele imprime, confia na sua, junta com bom gosto and bom senso e voilà: Tá linda!

Gostou das dicas, sim? Não? Comenta aqui, deixa ideias pra próximos posts, fique à vontade, a casa é sua 😉

Bitocas

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Compartilhe: